Bem-vindo à Agência de Desenvolvimento de Juiz de Fora e Região!

Horário de Funcionamento de 13:00 às 19:00

Av. Getúlio Vargas, 455 / 4° andar Centro , Juiz de Fora, MG

(32) 3215.7100(32) 3217.9846

10Abr

5 dicas para evitar a falência


por: Jornal do Empreendedor

Essa situação é muito comum: as pessoas abrem um negócio. E, depois de um tempo os negócios vão à falência. Esse não é, em hipótese alguma, o resultado ideal para um empreendedor.

Mas, olhando pra trás, há algumas coisas que poderíamos ter feito diferente. Aqui estão 5 armadilhas que precisam ser evitadas, para que o seu resultado não seja a falência.
#1. Evite partir para ação de imediato

Alguns empreendedores vieram com suas ideias de cursos, MBAs e pós-graduação. Os milhares de estudos de caso de empreendedores que assumiram riscos e fizeram empresas do zero motiva muitas pessoas.

Muitas vezes, estamos tão empolgados com nossa ideia, nosso nicho de mercado que investimos todas as nossas economias nela, sem conhecer o mercado como deveríamos.

Antes de colocar os seus ovos - ou o que restaram dele - na mesma cesta, certifique-se que você tem o conhecimento 360º do mercado que está colocando os pés.

Comece perguntando a si mesmo: há espaço no mercado para mais uma empresa? O que o mercado espera sobre o produto que você vai oferecer? Como a concorrência atua no seu mercado? Qual a melhor maneira de atingir seu público?
#2. Não prossiga sem um plano de negócios

Um plano de negócios fornece a estrutura e os dados que você precisa para apresentar a sua ideia e estratégias para os potenciais investidores, funcionários e, obviamente, a si mesmo.

Muitas vezes, confiamos demais no nosso potencial e capacidade que esquecemos de criar um plano, mas com o tempo isso se prova um erro.

Dedicar tempo para escrever sua missão, fazer a análise competitiva do mercado, planos de marketing, orçamento, receita e outros detalhes realmente vale o seu tempo e dedicação.

Quando você sentir que não está recebendo o suficiente, ou estiver precisando de motivação, olhar para o seu plano de negócios vai ajuda-lo a entender como você tem uma base sólida para proceder.

Claro que, com o tempo você irá ajustar muitas coisas, e isso faz parte do negócio, mas ter isso tudo documentado será um grande passo positivo para o sucesso.
#3. Não tenha vergonha de vender

Muitas vezes estamos animados sobre nossa ideia de negócios e cheios de coragem para fazê-la funcionar. No entanto, somos tímidos e inseguros quando precisamos vender.

Existem muitas pessoas que nem sabem como abordar a ideia de vender para as pessoas e não têm ideia das táticas que precisam ser usadas para fazer as pessoas comprarem.

E aí, as pessoas deixam apenas esse pequeno ponto de lado. Olhando para trás a falta de habilidade de vendas é a primeira razão para o fracasso de qualquer negócio.

Existem pessoas com ideias de negócios nem tão originais indo muito longe porque sabiam como colocar-se no mercado, falar sobre o produto e realmente estar à frente dos negócios e dos clientes.

Por isso, converse com seus amigos que trabalham com vendas, leia dicas, livros, faça cursos. Pratique com a família. Saber vender e expor sua ideia de negócio precisa ser uma prioridade.

Muito provavelmente sua ideia de negócio nunca será conhecida se as pessoas não souberem dela.
#4. Faça as perguntas certas

Por exemplo, se você estiver no processo de construção de um website e não sabe a diferença entre HTML e Flash, tudo bem para a primeira vez.

No entanto, na próxima vez que você for entrevistar o desenvolvedor, ao invés de perguntar para ele a profundidade de seu conhecimento sobre essas linguagens, é muito melhor você fazer mais e mais perguntas a ele, para que ele lhe dê respostas diretas.

Quase que diariamente em seu negócio você vai ouvir ou ver ideias que são totalmente novas para você, ou que você não sabe nada a respeito.

É o seu trabalho pesquisar e aprender para que essas coisas servem e como elas afetam você e sua empresa. Fazer a fornecedores e parceiros as perguntas certas é crucial.
#5. Evite fazer algo apenas pelo dinheiro

Bem, o que mais tem é gente tendo a nova ideia fenomenal do dia e ficar rico ao monetizá-la.

Quando os tempos são desafiantes e você precisa se doar, a única coisa que faz com que você responda a todas as suas dúvidas é a paixão pelo seu produto ou serviço, e como isso poderá ser útil aos clientes.

Existem milhões de pesquisas e entrevistas com empreendedores que defendem que trabalhar com paixão é importante para a felicidade em suas vidas.

___

Este artigo foi adaptado do original, "5 Lessons from a Failed Business", do Duct Tape Marketing.

 


Últimas Notícias



Galeria de Fotos