Bem-vindo à Agência de Desenvolvimento de Juiz de Fora e Região!

Horário de Funcionamento de 13:00 às 19:00

Av. Getúlio Vargas, 455 / 4° andar Centro , Juiz de Fora, MG

(32) 3215.7100(32) 3217.9846

01Jun

Média de ocupação no Aeroporto Regional da Zona da Mata supera 50%


por: Tribuna de Minas

Com quase 33 mil embarques e desembarques realizados nos quatro primeiros meses deste ano, 307 voos oferecidos e média de ocupação superior a 50%, o Aeroporto Presidente Itamar Franco prepara-se para iniciar a operação cargueira, enquanto realiza estudos sobre a viabilidade da internacionalização. Este foi o balanço divulgado pelo Consórcio Aeroporto Zona da Mata, formado pelas empresas Socicam e Universal Armazéns Gerais e Alfandegados, que está prestes a completar cinco meses de administração do terminal, no dia 1º de junho. Com o início das atividades da Gol Linhas Aéreas em março, o Itamar Franco contabilizou aumento de 45% no número de passageiros. A alta tem como base o mês anterior. Em relação a Azul Linhas Áreas, foi identificada elevação de 20% na movimentação de passageiros no primeiro trimestre.

 

A Gol oferece seis linhas semanais partindo da Zona da Mata com destino ao Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, com escala no Aeroporto Internacional de Confins/Tancredo Neves, em Belo Horizonte. Já a Azul disponibiliza voos diários para o Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, fora as conexões. Não foi divulgado o destino mais demandado.

 

Conforme o superintendente Flávio de Oliveira dos Santos, a concessionária tem realizado contatos com companhias aéreas objetivando novas parcerias e aumento no número de voos e na oferta de destinos a partir do aeroporto. Sobre o transporte de cargas, o superintendente afirma que as negociações estão em "fase final", visando a iniciar as operações "o mais breve possível". Prazos não foram definidos. A carga aérea é considerada um importante fator para agregação de valor ao negócio aeroportuário, bem como para facilitar a logística regional. Segundo ele, todo o processo para atender a demanda das empresas aéreas e parceiras já teria sido concluído. A informação é de que equipamentos logísticos para viabilizar o transporte de cargas foram adquiridos, como empilhadeiras, palheteiras, balanças de carga, racks verticalizados, câmaras frigoríficas e tratores.

 

Em relação à internacionalização, o superintendente comenta que o consórcio está desenvolvendo estudos sobre o potencial da região para importação e exportação de cargas, conforme previsto no contrato de concessão. "Justificados pela demanda regional, os projetos elaborados serão apresentados junto à Receita Federal do Brasil, objetivando o alfandegamento do Terminal de Cargas." Sobre o estacionamento, hoje com valores de R$ 5 (entre 15 minutos e uma hora) e R$ 140 (mensalista), a intenção é promover a automatização e a cobertura do espaço. "A concessionária experimentou um aumento no fluxo de passageiros e voos neste aeroporto, bem como mudanças para aeronaves de maior porte e melhor performance, o que evidencia maior confiança no terminal e sua infraestrutura", avaliou.

 

Com contrato de concessão de 30 anos junto à Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (Setop), a concessionária assumiu a operação do aeroporto no dia 1º de janeiro. Neste período, foram feitos investimentos em adequações nos balcões de checkin e no sistema informativo de voo, climatização da sala de embarque e revitalização das áreas verdes, além de readequação e revitalização da sinalização horizontal do pátio de manobras e pista de pouso e decolagem. Outras medidas destacadas pela empresa foram investimentos em capacitação e certificação dos profissionais, além de aquisição de equipamentos de navegação aérea, de segurança da aviação civil e logísticos para o terminal de cargas.

 

As duas companhias que atuam no Itamar Franco foram procuradas. A Azul, por meio de sua assessoria, divulgou que, entre janeiro e abril, transportou pouco mais de 30 mil clientes no aeroporto. Em relação a novas rotas, o posicionamento é que a empresa sempre estuda possibilidades, mas, no momento, não há novidades. A Azul afirma que começou a operar com jatos Embraer E190 e E195, equipados com 106 e 118 assentos, respectivamente, a maioria com TV em telas individuais. "Estes modelos são maiores que os ATRs e proporcionam uma experiência ainda melhor a bordo." A Gol preferiu não divulgar balanço das operações no Itamar Franco.

 

Obra de estrada deve ser retomada


Sobre a interrupção das obras de construção da estrada que vai ligar a rodovia BR-040, na altura da Barreira do Triunfo, na Zona Norte, até a MG-353, na localidade de João Ferreira, no município de Coronel Pacheco, o superintendente avalia que o acesso é "de suma importância" para o desenvolvimento do empreendimento e beneficiará tanto o transporte de cargas quanto o deslocamento dos passageiros. A intervenção, que integra programa do Governo estadual "Caminhos de Minas", está paralisada desde outubro de 2014.

 

Na sexta-feira, o subsecretário de Assuntos Parlamentares de Minas, Gustavo Riani, informou que a ordem de serviço para recomeço da obra foi autorizada pelo Governo do estado e deve ser liberada em junho. De acordo com o Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER), até o momento já foram executados 7,1 quilômetros de terraplenagem.

 


Últimas Notícias



Galeria de Fotos